20 Outubro, 2016 0

Mitsubishi: Nissan confirma aquisição de 34% e Carlos Ghosn quer a presidência

Por Auto Açores Informação

A Nissan confirmou oficialmente a aquisição de 34% das ações da Mitsubishi Motors, o que lhe dá o controle acionário da montadora japonesa. O negócio foi aprovado pelo governo nipônico e está calculado em US$ 2,3 bilhões.
Com essa aquisição, a Renault-Nissan passará a ter um novo membro na aliança, que deve ser chamada de Renault-Nissan-Mitsubishi. O novo grupo terá 10 milhões de veículos vendidos ao ano e disputará a liderança global com Toyota e Volkswagen.

De acordo com Carlos Ghosn, “a combinação de Nissan, Mitsubishi Motors e Renault irá criar uma nova força no mercado automotivo global. Ele será um dos três maiores grupos automotivos do mundo, com as economias de escala, tecnologias inovadoras e capacidades de fabricação para produzir veículos para atender a demanda dos clientes em todos os segmentos de mercado e em todos os mercados geográficos em todo o mundo ”

Ghosn ainda reforçou a importância da nova parceira: ” Estamos comprometidos a ajudar Mitsubishi Motors na reconstru..

20 Outubro, 2016 0

Audi terá A8 elétrico e próximo A4 deve chegar como MQB

Por Auto Açores Informação

A Audi vai mudar sua estratégia de produto para os próximos anos, de acordo com a revista alemã Der Siegel. Rupert Stadler teria anunciado alterações no plano para o topo de linha A8, que passará a contar com plataforma compartilhada com Porsche e Bentley.
Mas o detalhe mais importante é que o sedã topo de linha da Audi deixa de ser um carro comum, pois será 100% elétrico. Não há detalhes se essa plataforma será a MEB ou algo novo, mas como Stadler sugere, provavelmente é algo superior à recém-lançada base para elétricos da VW.

Mas as mudanças não param por aí. A ideia também é ter a próxima geração do Audi R8 com a mesma plataforma do Porsche 911. A fim de reduzir ainda mais os custos, Stadler já fala na próxima geração do A4 compartilhando a plataforma MQB com o Passat.

Essas alterações visam atender o plano da Volkswagen de cortar bilhões de euros em custos de desenvolvimento e produção para pagar o Dieselgate e tornar a companhia mais rentável. A única torneira em Wolfsburg que n..